27 de outubro de 2022

A ocasião...

 

                Busca por salvadores da pátria são sempre bastante incômodas. Ainda mais quando essa “figura heroica” tem atitudes e um passado para lá de problemático. Tanto que até hoje eu tenho muita dificuldade em entender como alguém no universo pode ter pensado em votar no Bolsonaro na eleição presidencial de 2018. Hoje, depois de 4 anos de desgraça, acho mais surreal ainda ver que alguém ainda pode votar no Jair, quem dirá defendê-lo.

                Pensando assim, obviamente acabo simpatizando com alguém que faz algo que incomoda nosso atual presidente. Porém, encarar Alexandre de Moraes como um “defensor da democracia”, como um herói, é olhar o cara com olhos melhores do que ele merece.



Até eu, que não entendo nada de Direito, vejo algumas escorregadas nas atitudes do nosso ministro do Supremo Tribunal Federal. Se bem que reclamar do Alexandre de Moraes, aqui neste blog, é tão 2009.

Claro, quero que o Bolsonaro seja derrotado nas urnas e perca apoiadores mais rápido do que ele é capaz de falar idiotices. Vou, inclusive, votar para isso. Mas, não vou louvar qualquer um só porque está contra o Jair. Ou por acaso alguém que me lê acha que eu vou aprovar o Alckmin como parte de uma chapa presidencial?

30 de setembro de 2022

A morte de Bartolomeu Dias

 

    Videoaula sobre (o maior feito e) a morte de Bartolomeu Dias.



 

Bibliografia, fontes e materiais utilizados:

- Coro do presidente Bolsonaro. Poder 360. 07/09/2022. Disponível em https://youtu.be/QQCpHB7t15w.

- CAMINHA, Pero Vaz de. A carta. Universidade da Amazônia, s/d.

- CAMÕES, Luís Vaz de. Os Lusíadas. Canto V. Trechos das estrofes 43 e 44.

- CLEMENTS, Ron; MUSKER, John. A pequena sereia. 1989. Músicas de Alan Menken, Howard Ashman e Gregor Narholz.

- COZART, Jon. After Ever After. Paint. Trecho da música Under the sea. 2013. Disponível em https://youtu.be/diU70KshcjA.

- GIAMBOLOGNA. Escultura O Colosso do Apenino. c. 1580.

- HOMEM, Lopo. Mapa do mundo. 1554. Disponível em https://commons.wikimedia.org/wiki/File:1554_lopo_homen_mapa_mundi_03.jpg.

- MOORE, Nathan. Teasing the King. Trilha sonora. 2022. https://www.youtube.com/audiolibrary.

- MOTA, Avelino Teixeira da. Bartolomeu Dias, descobridor do Cabo de Boa Esperança. Lisboa: N.R.P., 1955.

- PESSOA, Fernando. Mensagem. Trecho do poema “Mar Português”.

- TENGARRINHA, José (org.). História de Portugal. Bauru, São Paulo, Lisboa: Edusc, Unesp, Instituto Camões, 2000.

- VAZ JR., Júlio. Escultura do Gigante Adamastor. 1927.

 

#####

 

P.S.: Foi mais fácil editar a capa do vídeo em cima do antigo desenho da Pequena Sereia. Mesmo assim, não posso perder a chance de colocar aqui o trailer da versão que deve sair em 2023:



 

30 de agosto de 2022

William Bonner e a dificuldade para interpretar texto


            – Pai, podemos ir para o parque?

            – Ah, filho, hoje não dá. Amanhã, se o dia estiver bom, eu levo você.

            O dia seguinte é lindo. Ensolarado, sem uma nuvem no céu. O filho, então, volta a perguntar:

            – Pai, hoje podemos ir para o parque?

            – Puxa, filho, o dia não está bom. Com esse sol forte não vai ser bacana. Amanhã, se o dia estiver bom, pode deixar que eu levo você.

            O dia seguinte amanhece nublado. Animado, o filho pergunta:

            – Pai, vamos para o parque?

            – Nossa, filho, com esse tempo? Com certeza vai chover. Não vale a pena. Amanhã, se o dia estiver bom, nós vamos.

            A criança só voltaria a perguntar para o pai sobre ir ao parque no dia seguinte se fosse o William Bonner.

###

            Na segunda-feira, dia 22 de agosto de 2022, o presidente Jair Bolsonaro foi entrevistado pelo Jornal Nacional. Depois de anos de governo com bravatas golpistas, muito corretamente Bonner, aos 8’50”,perguntou ao presidente:

– O senhor não quer aproveitar essa oportunidade, diante de milhões de brasileiros, pra assumir um compromisso eloquente de que vai respeitar o resultado das urnas seja ele qual for?

Bolsonaro respondeu:

– Seja qual for. Eleições limpas serão... devem e tem que ser respeitadas.

Os dois se embolam um pouco com as falas, o jornalista elogia o processo eleitoral e as urnas e, então, diz:

– Isto posto, eu lhe pergunto mais uma vez: o senhor vai assumir um compromisso, diante de milhões de brasileiros, de respeitar o resultado das urnas e estimular os seus seguidores a fazer o mesmo, candidato?

– Serão respeitados os resultados das urnas desde que as eleições sejam limpas e transparentes. –, responde o presidente. E, após acrescentar rapidamente outro ponto, ele mesmo acrescenta – Vamos colocar um ponto final nisso?

Um novo momento de falas emboladas entre os dois, com o presidente-candidato dizendo para encerrar o assunto. William Bonner, então, tal qual a criança que acredita que, amanhã, se o dia estiver bom, vai ser levada ao parque, diz:

            – Nós temos uma declaração importante do candidato Bolsonaro assumindo publicamente o respeito ao resultado das urnas de outubro.

###

            Não acho, como brinquei no título, que o jornalista não sabe interpretar texto. O respeito às urnas com o “desde que as eleições sejam limpas” no meio das respostas com certeza incomodou Bonner. Mas, o que mais a criancinha poderia fazer? Só mesmo sentar e esperar que, no dia seguinte, o pai considere o dia bom. Assim como eu – e o âncora do Jornal Nacional – esperamos que o presidente só esteja fazendo mais uma das suas bravatas.

 

 

29 de julho de 2022

Confinada

 

            A HQ que mais me divertiu (e me acolheu) no período de isolamento social, foi a Confinada, de TriscilaOliveira e Leandro Assis. Divido aqui meu trecho preferido.

            Depois de ser cancelada virtualmente, Fran joga o seu celular na parede e vai espairecer na fazenda dos pais. Ju, a empregada doméstica que se isolou para servir a patroa, revoltada com tudo que viu e passou nos meses anteriores, pega o celular quebrado e grava um vídeo nas redes sociais da patroa soltando o verbo. Segue o trecho:

 



 

            Fran, dentro da senzala, dizendo “Minha vida deve muito a esse lugar.” sem que a personagem perceba a ironia, é impagável.

30 de junho de 2022

A influência do solo nos passos de dança de salão

     Uso este blog para me divertir e vivo colocando aqui coisas aleatórias que eu produzo. Publico crônicas que me dão vontade de escrever, críticas, indicações diversas, contos rejeitados em outros lugares (porque eu mesmo não vou rejeitar meus contos, no meu blog)... Passei 2020 e 2021 postando videoaulas e podcasts que eu gravei para meus estudantes por conta das aulas online. Sendo assim, se você está aqui porque aprecia qualquer dessas produções minhas, hoje vou linkar uma acadêmica. 

        No fim do mês passado, saiu publicado na revista O Mosaico, da Universidade Estadual do Paraná, um artigo científico que eu escrevi sobre a influência do solo, do chão, no surgimento dos passos de dança de salão. É parte do meu trabalho como historiador de História da Dança. Fica o link do meu "Cuidado onde pisa"

        Boa leitura.