29 julho, 2012

Com que roupa? – Comentários

___Os comentários do texto “Com que roupa?” não foram muitos, mas foram bem bacanas. Faria minhas as palavras do Leonardo Xavier (aqui) e da Ashen Lady (aqui). No entanto, faço uma nova postagem para ressaltar o comentário de duas pessoas que, diretamente, trabalham com música clássica.
___(Claro, a opinião preconceituosa do Cabo Tobias e da sua Tia Carlota são válidas (para eles), mas, já que o assunto do texto é como ir vestido a um concerto, acredito eu que as opiniões dos profissionais da área são um tanto relevantes.)
___O primeiro comentário foi feito aqui no blog, pelo músico Otávio K.




Hehehe, me orgulho de não ir a concertos de calça (a não ser quando vou tocar, afinal sou músico de orquestra). Vou sempre de shorts, e só uma vez um segurança encanou, mas dei uma despistada nele. E, por precaução, sempre levo uma calça na mochila.
O público já não é expressivo, então acho que barrar alguém por não estar de social é um pouco de burrice.



___O segundo comentário foi feito no meu Facebook, por uma amiga, cantora lírica:




Vá de bermuda, vá de tênis, vá de salto alto e paetês... seja qual for o seu estilo, nós músicos ficamos felizes se você comparecer e prestigiar a música clássica!



___O ponto é simples e é o mesmo: é mais importante ir ao concerto, mesmo se você não puder trajar as “roupas certas”. Principalmente depois de ver músicos falando isso, fica difícil discordar, né?


###


___Agora apliquem o ponto a outras questões/locais. O quão doente, idiota, elitista, classista, preconceituosa, excludente, burra é uma sociedade que impede alguém de frequentar o Congresso, um tribunal, uma biblioteca, um centro de comércio, uma escola, um museu, por causa de roupa?
___Termino com duas tirinhas do maravilhoso Laerte falando do antigo Hugo, atual Muriel.


Muriel, do Laerte - Não pode entrar nestes trajes


Muriel, de Laerte - O X-Y da questão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Site Meter