29 maio, 2016

Flor no asfalto

___Caco Barcellos é um dos melhores jornalistas ativos da televisão brasileira. A maior parte das produções dele que eu li ou assisti, só me fizeram admirá-lo ainda mais. 
___Recentemente, por conta de conversas que eu tive com meus alunos (inclusive alguns alunos agredidos por policiais militares que, sem mandato judicial, desocuparam violentamente algumas escolas), reli o Rota 66: a história da polícia que mata, trabalho mais famoso do Caco Barcellos. O livro é fantástico, mas extremamente violento. Em vários momentos, tive de interromper a leitura para respirar e conter a ânsia de vômito. 
___Mesmo assim, é impressionante como até em uma narrativa violenta, como a do Rota 66, é possível encontrar beleza – e não estou falando apenas da beleza doce e ingênua do autor de esperar uma diminuição da violência policial com o seu livro. Em meio a todo o peso da dura e triste narrativa, Barcelos conseguiu espaço para publicar um poema encontrado no bolso de João Augusto Diniz Junqueira, uma das vítimas da PM:

Pensou em subir na vida
Notou que os degraus eram os seus semelhantes
Que a escada era feita de homens curvados
De crianças maltrapilhas
De velhos com fome
Pediu perdão
Se afastou de cabeça baixa


2 comentários:

  1. Ulisses, ao ler o texto lembrei de duas coisas:
    Primeira, vc já leu o livro "Maus" de Art Spiegelman??
    Eu tbm tive de interromper a leitura para respirar um pouco e descansar o mal estar!
    Recomendadíssimo. O Poema, neste caro, fica a critério das ilustrações.


    A outra cousa:
    A Comissão da Memória e Verdade da Prefeitura de São Paulo realizará uma Audiência Pública, que contará com a presença do jornalista Caco Barcellos, para falar sobre a vala clandestina de Perus e a violação de direitos humanos nos dias atuais.

    Violência de Estado na cidade de São Paulo na ditadura e hoje
    https://www.facebook.com/events/1733231990288401/

    Câmara Municipal de São Paulo - Sala Tiradentes
    02/06/16 às 19:00

    Abraços Trida!


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já li sim, Fabio. Vale mesmo como uma ótima indicação.

      Quanto ao Caco Barcellos na Câmara, infelizmente eu não pude ir. Mas, agradeço também.

      Abraços.

      Excluir

Site Meter