15 abril, 2008

Caridade inteligente

_____A revista Ocas” poderia ser apenas mais uma revista de esquerda que trata de temas ligados à cultura, à política e à sociedade. Entretanto, ela tem um projeto social bem definido que faz dela única: o objetivo principal da revista é ajudar pessoas em situação de rua.

_____Por mais atípico que pareça, a revista não é vendida em bancas de jornal. Em circulação desde 2002, a Ocas” só pode ser encontrada em determinados pontos culturais da cidade*, vendida por moradores de rua credenciados. Os vendedores ficam com dois terços do preço de capa (eles compram a revista por um real e vendem por três), conseguindo, assim, um apoio financeiro para tentarem se reintegrar socialmente, mudando a atual situação marginal em que vivem.

_____Tentando auxiliar um pouco o projeto, alem de ser um leitor fiel, na edição deste bimestre (a edição de março/abril, número 58), eu colaborei com um artigo (que a editora chefe fez o favor de mutilar um pouquinho). Portanto, os leitores do blog que se divertem com minhas estripulias literárias, podem ler uma reportagem minha no último número. É um artigo de duas páginas, sobre academias de dança de salão que fazem trabalhos sociais. Está publicado nas páginas 24 e 25, com meu nome verdadeiro (não com o meu pseudônimo de personagem de clássico grego).

_____Por enquanto, eu não vou publicar o artigo por aqui, pois vai ser bem bacana se eu conseguir fazer com que algum dos meus leitores dê uma mão para a revista. O projeto da Ocas” é muito bonito e creio que eles merecem uma chance. Acreditem, sempre aparece alguma reportagem bem interessante nas suas edições (obviamente, o artigo mais interessante da edição de março/abril é o meu, mas vocês podem encontrar outros que também são válidos ;-)). Espero que gostem.

__________

* Pelo que eu saiba, a Ocas" é vendida, atualmente, apenas em São Paulo e no Rio de Janeiro. Vocês podem dar uma olhada onde comprá-la no site da revista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Site Meter