20 fevereiro, 2009

Igual-desigual

_____Em um exercício de comparação, tudo fica muito mais fácil quando os focos comparados são bem diferentes. Tentar comparar fanáticos por futebol, por exemplo, é um desafio considerável. Excetuando o uniforme dos times, ao olhar atentamente alguns torcedores, percebe-se que todos os espécimes são enfadonhamente iguais. Agem de forma muito parecida, usam os mesmos argumentos irracionais, demonstram, em público, uma bobeira típica e assim por diante. Ainda bem que existem comparações mais simples de se fazer.
_____Nesta semana tive a chance de comparar, com muita facilidade, um casal de atores no mesmo palco: Isabella Lemos e Marcelo Pacífico. A comparação foi tranquila porque Isabella foi extremamente mais talentosa do que o rapaz.
_____Tendo como base os diálogos e rusgas de um casal, a peça Mão na Luva, de Oduvaldo Vianna Filho (o Vianinha), pode ser montada, como no caso, com pouquíssimos recursos. Tanto que, praticamente, apenas os dois atores seguram a peça por quase uma hora e meia.
_____Sem nenhuma distração por perto além dos atores, não era possível esconder como Isabella Lemos conseguia levar melhor a sua personagem. As mudanças de voz e de feições eram claras entre as situações do passado feliz e do presente conflituoso. Marcelo Pacífico, entretanto, continuava praticamente com o mesmo jeito bruto e espalhafatoso não importando a situação. Só mesmo com a sua sonoplastia de metais é que ele parecia fugir um pouco da sua interpretação mais pobre.
_____Talvez Marcelo estivesse em uma noite ruim. Se, no entanto, em todas as apresentações ele fica tão apagado assim perto de Isabella, acho melhor arrumar uma peça com mais atores na próxima vez ou se acostumar com esse tipo de comparação. A diferença é grande demais para não ser notada.

#####


P.S.: Vale ressaltar que essa montagem está retomando uma antiga tradição há muito esquecida nos palcos: apresentações em quase todos os dias da semana. Durante o carnaval, o casal irá se apresentar todos os dias. Que quebrem a perna (principalmente o Marcelo).


Um comentário:

  1. oii muito obrigada pelo comentario..fico muito feliz mesmo!!
    e seu blogespero q cresca muito..tem tudo pra isso..é ótimo!
    beijO

    ResponderExcluir

Site Meter