16 março, 2012

O Jumento de Jesus. O Jesus do Jumento.

___Reproduzo abaixo o e-mail que algumas pessoas queridas, talvez preocupadas com minhas escolhas, com o meu modo de pensar ou algo do tipo, resolveram me enviar.




O jumentinho de Jesus!
___Um jumentinho, voltando para sua casa todo contente, fala para sua mãe:
___– Fui a uma cidade e quando lá cheguei fui aplaudido, a multidão gritava alegre, estendia seus mantos pelo chão... Todos estavam contentes com minha presença.
___Sua mãe questionou se ele estava só e o burrinho disse:
___– Não, estava levando um homem com o nome de Jesus.


O Jumento de Jesus. Jesus do Jumento.


___Então sua mãe falou:
___– Filho, volte a essa cidade, mas agora sozinho.
___Então o burrinho respondeu:
___– Quando eu tiver uma oportunidade, voltarei lá...
___Quando retornou a essa cidade sozinho, todos que passavam por ele fizeram o inverso, maltratavam, xingavam e até mesmo batiam nele.
___Voltando para sua casa, disse para sua mãe:
___– Estou triste, pois nada aconteceu comigo. Nem palmas, nem mantos, nem honra... Só apanhei, fui xingado e maltratado. Eles não me reconheceram, mamãe...
___Indignado o burrinho disse a sua mãe:
___– Porque isso aconteceu comigo?
___Sua mãe respondeu:
___– Meu filho querido, você sem JESUS é apenas um jumento...
LEMBRE-SE SEMPRE DISSO!



###


___Que relato lindo, não? Lindo, aberto, respeitoso, mas, lamento dizer, incompleto. Ainda bem que sou uma pessoa doce e de bom coração e, portanto, aproveitarei a oportunidade para compartilhar com quem me escreveu e com os leitores do blog a continuação da historinha.




O Jesus do Jumento
___Algum tempo depois, ainda abalado com o duro aprendizado, o pobre jumentinho avistou o tal Jesus novamente. O animal percebeu que, dessa vez, o homem não estava montado em nenhum jumento e resolveu ver o que aconteceria com ele.
___Para a grande surpresa do bichinho, Jesus foi muito maltratado: arrancaram suas vestes, chicotearam-no, colocaram uma coroa de espinhos em sua cabeça. Riam dele e nele cuspiram. Pouco depois, com chicotadas, colocaram Jesus para caminhar, carregando uma enorme cruz.
___Intrigado, o animal acompanhou o calvário do homem para ver o que aconteceria. Pobre jumento, se ele soubesse a cena que viria a seguir, todo o sofrimento que iria presenciar, teria ido embora: no alto de uma colina, pregaram Jesus na mesma cruz que, pouco antes, ele havia carregado. Depois de perceber que deixariam o tal homem exposto por algum tempo, triste, o jumentinho se virou e voltou para casa.


Jesus maltratado


___Ao encontrar sua mãe, o pobre animal relatou tudo o que viu. A jumenta ficou sem saber o que dizer. Os dois mantiveram um silêncio reflexivo por alguns instantes.
___De súbito, em um momento de inspiração típico de uma personagem orwelliana, o jumentinho virou para a mãe e disse:
___– Minha mãe querida, você tinha razão: eu, sem Jesus, sou apenas um jumento. No entanto, Jesus, sem algum jumento a levá-lo nas costas sem questionar, fica em uma situação bem pior.


2 comentários:

  1. mas vai me dizer q tu respondeu pra geral o finalzinho da historia....


    e outra, 'jesus ressuscitou" então, nesse raciocinio viciado, eles iam te mandar o q aconteceu quando jesus voltou do mundo dos mortos e fez uma churrascada com o borrinho e chamou são pedro pra cortar...

    ResponderExcluir
  2. :-)

    Claro q eu respondi. Infelizmente, não obtive nenhuma resposta dos religiosos. Seria legal continuar a brincadeira.

    ResponderExcluir

Site Meter