08 janeiro, 2016

Alguém pegou meus livros

Saldão da Martins Fontes

___Ontem, saindo do trabalho na academia de dança, fui aproveitar o maravilhoso saldão da livraria Martins Fontes. Caso algum leitor que more em Sampa esteja interessado, o saldão acontece no último piso da livraria e acabará no dia 10. Recomendo bastante, pois a oferta de livros é grande, bem variada e o desconto é ótimo: 70% para todos os livros!
___Quem, porém, está esperando uma organização de livraria, esqueça. O saldão, como o próprio nome ajuda a imaginar, é exatamente um amontoado do resto. E podem ficar à vontade para pensar em amontoado mesmo. 

Saldão da Martins Fontes

___Logo na entrada, como é possível ver na foto acima, existe uma bancada mais organizada, bonitinha, com os livros que eles devem ter um número maior de exemplares. As bancadas seguintes já estão mais no esquema sebo: um monte de livros, remotamente com a mesma temática, um espremido ao lado do outro. Para terminar, existem umas caixas pelo chão com vários livros e umas bancadas extras ao ar livre. É uma confusão. Mas, para quem não gosta da poeira dos sebos, é uma confusão de livros novinhos e baratos. 

###

___Enquanto eu garimpava livros pela bagunça, um velhinho chegou exaltado para a moça do caixa:
___– Ei, você trabalha aqui? Eu escondi uns livros ali naquele canto e agora não os estou encontrando! Alguém pegou meus livros! 
___Meio atrapalhada, ainda atendendo outro cliente, a moça perguntou:
___– Eram livros que o senhor já havia comprado?
___– Não! Eu só escondi em um canto os que me interessavam e saí para procurar mais. Alguém pegou meus livros!! 
___– Desculpa, mas se o senhor não os havia comprad...
___– Eu perdi muito tempo separando aqueles livros. Alguém pegou meus livros!!!
___A pobre moça do caixa, sem saber o que fazer com um cliente que cada vez colocava mais exclamações no final das suas falas, chamou um colega de trabalho. Pacientemente, o outro funcionário foi ajudar o impaciente velhinho a achar “seus” livros perdidos ou a procurar outros exemplares. 
___Eu, que já havia acabado a garimpagem dos livros que meus recursos permitiam, fui até o caixa. A atendente, apesar do bizarro episódio, foi extremamente atenciosa comigo. 
___Ao fundo, mesmo com o outro funcionário ajudando, o velhinho continuava a esbravejar “Alguém pegou meus livros!!!!!”. Pena que ninguém explicou a ele que uma feira de livros não é lugar para “esconder” livros. 

#####

P.S.: Não, este não é um texto patrocinado. Se bem que achei que valia a pena divulgar o saldão.* Assim como também vale divulgar a Martins Fontes, que é uma ótima livraria e editora. 
P.P.S.: Para quem se interessa por causos em livrarias, recomendo o maravilhoso (e, infelizmente, adormecido desde 2014) [manual prático de bons modos em livrarias].

__________
* Assim como vale a pena divulgar a Festa do Livro da USP, que acontece todo final de ano. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Site Meter