19 novembro, 2009

Devagar

___No mês passado, publiquei um texto chamado “190 km/h é crime. 60 km/h também deveria ser.”, defendendo a redução à velocidade dos automóveis. Alguns leitores reagiram negativamente. No geral, minhas respostas combinaram muito com a utilizada por um grupo de cicloativistas no último sábado.
___No dia 26 de outubro, o ciclista Fernando Martins Couto e o gari Antônio Ribeiro foram atropelados em plena calçada. Ciclistas, parentes e amigos das vítimas, garis e transeuntes se juntaram para prestar uma homenagem aos mortos no dia 14, sábado. Entre as atividades realizadas, foi feita uma ação de pintura do asfalto.
___Minha resposta aos leitores e a resposta das pessoas ao “acidente” foi a mesma. Lembramos que no trânsito nada é mais importante do que o preservar de vidas. O asfalto ficou assim:


#####



P.S.: Por pura coincidência, minha postagem foi publicada exatamente no dia do “acidente”, dia 26 de outubro.
P.P.S.: Para saber mais sobre a homenagem do último sábado, aconselho a leitura do que foi publicado no + Vá de bike! + e no apocalipse motorizado.

3 comentários:

  1. Trânsito mata quatro vezes mais que guerras, diz OMS...

    E para quem ficou indignado com seu post sobre a velocidade dos carros dá só uma olhada nesses dados:

    http://www.amparo.sp.gov.br/noticias/agencia/2003/2003_mai/030523_trans-matamais.htm

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
  2. Ulisses,
    aqui na minha cidade moro na frente do corpo de bombeiros. Vc não imagina a quantidade de vezes que eles saem por dia pra ajudar alguém que bateu o carro. Muitas das vezes, a poucos metros daqui.

    Sinceramente, sou contra carros em geral e transporte pra mim apenas o público. Mas eu tenho muuuuuuitas coisas contra carros.

    Conheço pouquíssimas pessoas com maturidade pra sentar na frente de um volante.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Junto meu protesto ao de milhares de pessoas , que como voces sabem que carro é arma!Quando será que pessoas que se dizem cultas , vão ter a verdadeira cultura de entender que não somente dentro dos seus possantes carrões de luxo , mas ao seu redor , dentro de carros mais humilldes ou até a pé, existe vida! E que cada uma dessas vidas tem muitas outras que dependem dela pra continuar sua caminhada. Ninguem deixa de viver por ter perdido alguem!!!Mas deixa a cada dia de crer na humanidade, na bondade e na responsabilidade que todo ser humano deveria ter.Perdi uma irmã vitima de uma dessas irresponsáveis que dirigem sem atenção.Quero deixar meu protesto e registrada minha dor e de meus famíliares, gostaria que as leis fossem cumpridas ,não só para as pessoas pobres ,mas sim para essas de nivel superior como essa que matou minha irmã e deixou outra gravemente ferida, atropelando e depois se fazendo de vitima , dizendo que não viu, não assumindo a verdadeira velocidade em que dirigia, e ainda pior , arranjando testemunhas para confirmar sua versão!! Obrigada pela atenção! Matilde

    ResponderExcluir

Site Meter